tiroteio na sede do youtube california

Tiroteio: entenda o que aconteceu na sede do Youtube em San Bruno CA

Na última terça-feira uma ex Youtuber conhecida como Nasim Najafi Aghdam invadiu a sede do Youtube em San Bruno no início da tarde e disparou tiros contra três funcionários da empresa, deixando um em estado crítico e as demais com diagnóstico estável. Em seguida, Nasim tirou a própria vida.

A polícia ainda não esclareceu a motivação do ataque, mas a suspeita é que os motivos giram em torno das restrições da plataforma. Nasim era defensoras das causas animais, era vegan e mantinha quatro canais no Youtube e há constantemente reclamava das mudanças realizadas pelo Google.

Em fevereiro de 2017 a iraniana postou em seu Facebook uma reclamação sobre as oportunidades de crescimento no Youtube e em seu site ela reclamava sobre liberdade de expressão:

“Não há liberdade de expressão no mundo real e você será reprimido por dizer a verdade que não é apoiado pelo sistema. Vídeos de usuários direcionados são filtrados e meramente relegados, para que as pessoas dificilmente possam ver seus vídeos”.

Apavorados com a tragédia, porta-vozes da companhia se pronunciaram após o desastre.

“Não há palavras para descrever como foi horrível ter um atirador no YouTube hoje. Nossa mais profunda gratidão à polícia e socorristas por sua resposta rápida. Nossos corações vão para todos aqueles feridos. Vamos nos unir para curar como uma família”. – Susan Wojcicki, CEO do Youtube

“Estamos fazendo de tudo que podemos para apoiar as vítimas e as suas famílias neste momento. Vamos nos manter unidos e dar forças para Susan e nossos funcionários”. – Sundar Pichai, CEO do Google

Por precauções de segurança os nomes das vítimas não foram divulgados. Mas, se sabe que as vítimas estão sendo tratadas no General Hospital Brent. Uma mulher de 32 anos, uma de 27 anos e um homem de 36 anos.

Comentários no Facebook