A batalha dos estágios

Meu primeiro artigo aqui para o blog vai ser pra sobre um assunto ás vezes um pouco polêmico, mas que é a busca de praticamente todo acadêmico: conseguir um estágio na área que estuda. Eu, falo principalmente sobre marketing e publicidade, mas na verdade esse relato pode se encaixar em diversas áreas.

Muitos estudantes esperam meses e meses pra conseguir apenas uma entrevista em uma agência de publicidade, por exemplo, e acabam não conseguindo o emprego porque ficam nervosos, porque não se encaixam no perfil da empresa ou simplesmente porque não deu certo. Muita gente também, larga empregos efetivos e sai em busca do tão esperado estágio, e algumas vezes, acabam desanimando.

Sei que passa pela cabeça de muitas pessoas desistir, de talvez fazer engenharia ou direito (nada contra engenheiros ou advogados, mas nossos familiares insistem para trocarmos para estes cursos) porque “dá dinheiro” como dizem.

Mas aí então você se depara com aquele seu local de trabalho dos sonhos, você se vê fazendo tudo que se imaginou fazer e entende que ou você trabalha com aquilo na vida, ou não trabalha com mais nada. Você se sente dentro do seu mundo, o clima é perfeito, as cores são perfeitas, até o cheiro do momento e do lugar é aquele que você imaginava. Você se sente outra pessoa, o melhor profissional do universo, e, parabéns, é assim mesmo que você deve se sentir. Se nós não acreditarmos em nós mesmos, quem vai né?

Então, o objetivo hoje desse meu pequeno relato, é dizer para vocês publicitários, não desistirem das suas buscas por aprendizado na sua área de atuação, não se deixem levar pela pressão, sigam suas vontades, seus sentimentos, seus instintos e façam aquilo que vocês querem e sabem fazer. A área de publicidade não é a mais fácil do mundo, mas quem sabe o que quer e se esforça de verdade, vai ter a sensação de ter chegado ao lugar certo, sempre.

 

 

Comentários no Facebook